SELO BLOG FM (4)

Categoria: Cidades

Prefeitura paga primeira parcela do 13º salário dos professores da Rede Municipal

FOTO: SECOM

A primeira parcela do 13º salário, de 40%, de todos os professores da Rede Municipal de Ensino de Natal foi depositada nessa sexta-feira (21). O anúncio foi feito pelo prefeito Álvaro Dias, que destaca os investimentos na Educação no município.

“Ao lado de investimentos importantes que estamos fazendo na área da Educação de Natal, como a Escola de Tempo Integral Padre Tiago Theisen, na Zona Norte da cidade, queria anunciar que já foi creditado hoje o pagamento de 40% do décimo terceiro salário de todos os professores da Rede Municipal de Ensino”, anunciou.

Neste sábado, os valores estarão creditados nas contas dos professores.

EALRN realiza o III Encontro dos Representantes das Escolas do Legislativo do RN

FOTO: DIVULGAÇÃO

Com o intuito de promover uma maior aproximação entre o Poder Legislativo Municipal e a sociedade, a Escola da Assembleia do Rio Grande do Norte (EALRN) realizou durante todo o dia desta quinta-feira (20), o III Encontro dos Representantes das Escolas do Legislativo do RN, no hotel Holiday Inn, em Natal.

Tendo como tema “Fortalecendo a Educação Legislativa”, a imersão contou com a participação de quase 200 pessoas, sendo em média 150 vereadores, de 50 cidades do RN. Todos em busca de uma oportunidade única para discussões sobre estratégias para promoção de uma cultura de transparência, responsabilidade e participação cidadã no processo legislativo.

Além dos vereadores e representantes das escolas legislativas do RN, a cerimônia de abertura registrou as presenças da deputada estadual Cristiane Dantas, dos deputados estaduais Francisco do PT e Ubaldo Fernandes, de autoridades, diretores, coordenadores e servidores da Assembleia Legislativa.

Abrindo às participações, o diretor da EALRN, José Bezerra Marinho deu as boas-vindas a todos e reafirmou o compromisso da instituição acadêmica com uma educação política de qualidade, essencial para a formação de cidadãos críticos e atuantes.

“Buscamos o fortalecimento e o papel fundamentais das Escolas Legislativas do RN como canais de comunicação, interação e inovação. Acreditamos que a democracia se fortalece através da participação ativa dos cidadãos e da transparência nas ações legislativas”, afirma José Bezerra Marinho.

Para a presidente da Federação das Câmaras Municipais do Estado do RN (FECAM), Erineide Sá, o encontro representou um avanço significativo por uma busca de uma educação legislativa de excelência que é capaz de enfrentar os desafios do presente e preparar para as demandas futuras no legislativo municipais. “Quero exaltar a parceria da EALRN junto a FECAM para que possamos ampliar cada vez mais. Quem ganha com tudo isso é a população”, festeja Erineide.

Dando início às atividades, a Gerente-Geral da Escola do Legislativo de Minas Gerais, profa. Ruth Schmitz de Castro, discorreu sobre o “Caminho crítico na criação e fortalecimento das escolas legislativas municipais: 32 anos da exitosa experiência mineira”.

A ministrante acredita que as escolas têm a missão de tornar a interação entre a sociedade e o poder legislativo mais produtiva, para construírem juntos conhecimentos, formar o cidadão e o parlamentar. “A criação e a manutenção das escolas do legislativo exigem um trabalho diário, constante, de comunicação, de recepção, de troca, de programação colaborativa”, afirma Ruth.

Em seguida, foi a vez do prof. Jadson Nunes, intérprete de Libras, consultor em acessibilidade e inclusão, falar sobre a “Ponte para a inclusão: fomentando diversidade e democracia na fundação e fortalecimento da educação legislativa do RN”. Jadson destacou, com propriedade, a necessidade da inclusão e diversidade na educação legislativa. Parabenizou o presidente da Casa Legislativa, o deputado Ezequiel Ferreira, pela iniciativa em lançar uma campanha, recentemente, sobre Capacitismo e trazer toda a sociedade potiguar para debater essa temática essencial nos dias de hoje.

Já na parte da tarde, o vice-presidente da União dos Vereadores do Brasil (UVB), Francisco Joaquim Júnior, abordou o “Legislativo na escola: a experiência na UVB”.

O vereador tratou, em síntese, sobre o legislativo nas escolas de educação básica, a necessidade de se ensinar desde cedo sobre conceitos de política, em relação aos três poderes: executivo, legislativo e judiciário, e as suas funções.

“Sem o pleno conhecimento e funcionamento dos três poderes não há democracia e esse trabalho é preciso que se comece pelas escolas interagindo com os professores, todos os educadores, sobretudo com essa geração que deve exercer em plenitude sua cidadania e só assim, teremos uma sociedade melhor”, defendeu o presidente.

A penúltima apresentação do dia foi conduzida pelo diretor da EALRN, prof. José Bezerra Marinho, que trouxe uma reflexão sobre a “Atuação da Escola da Assembleia Legislativa do RN para ampliação e fortalecimento da educação legislativa nos municípios do Estado”.

Para a estratégia de atuação, Marinho em sua explanação abordou a importância da colaboração em rede e destacou o programa Integra RN, desenvolvido pela EALRN. “Nosso programa Integra RN leva, gratuitamente, educação política, cidadã e profissional com conteúdos de qualidade e abordagem inovadora a todos os municípios do Rio Grande do Norte, criando oportunidades para a expansão e o fortalecimento da educação legislativa”, explica o diretor.

Finalizando os conteúdos de imersão, tivemos o tema “Direito Eleitoral e as eleições 2024”, ministrado pelo servidor da ALRN, advogado e professor associado da UFRN, Erick Pereira. “Abordamos aspectos legais preparatórios para as próximas eleições e as inovações que as resoluções do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) trouxeram. Além da relação com a internet, ao uso de inteligência artificial e as peculiaridades do processo eleitoral”, explicou Pereira.

Dentro da programação, os servidores da diretoria de Políticas Complementares, estiveram presentes com um espaço expondo as principais atividades realizadas pelo setor, como trabalhos gratuitos nas áreas de educação, lazer, cultura, saúde, assistência social, assessoria jurídica e direitos do consumidor para a população norte-rio-grandense em eventos itinerantes que aproximam o poder legislativo dos cidadãos de todas as regiões do estado, em especial das pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social.

O presidente da Assembleia Legislativa do RN, Ezequiel Ferreira, acredita que é preciso pensar, planejar novos rumos para a Educação Legislativa e o legado que deixaremos para as próximas gerações. “Reunir vereadores e presidentes de Câmaras é um evento da nossa Escola da Assembleia e é uma verdadeira honra para todos.”, concluiu Ferreira.

Espaços kids e pet friendly ampliam experiência da Natal Restaurant Week

FOTO: DIVULGAÇÃO

Quem pretende aproveitar a 1ª Natal Restaurant Week não precisa deixar ninguém em casa. Para que toda a família possa conhecer a diversidade gastronômica dos estabelecimentos participantes, muitos restaurantes contam com áreas exclusivas para crianças e espaços para pets.

No Caravela Gastrobar & Bistrô, a diversão é garantida para toda a família. A casa possui um lindo Espaço Kids para as crianças brincarem bastante enquanto os pais desfrutam de uma refeição deliciosa e relaxante. Uma experiência com segurança e muita alegria. O Caravela participa do festival com menu no jantar por R$ 89,90) e está localizado na Av. Nascimento de Castro, 1551, Lagoa Nova. Informações: (84) 99113-3202.

Na mesma linha está o Nau Frutos do Mar que possui uma brinquedoteca super equipada para as crianças aproveitarem bastante enquanto os adultos curtem o menu que o restaurante preparou para o festival. O espaço oferece ainda uma equipe de monitores que irão auxiliar seus filhos. O Nau tem a opção de almoço (R$ 68,90) e jantar (R$ 89,90). Localização: Avenida Odilon Gomes de Lima, 1772 Capim Macio. (84) 3026-6333.

O Gusto Forneria também dispõe de um espaço kids cuidadosamente preparado para que os pequenos também aproveitem bastante. Um lugar perfeito para que os pequenos se divirtam enquanto os pais aproveitam uma refeição deliciosa! Com brinquedos, jogos e atividades, o lugar foi projetado para proporcionar diversão segura e momentos de felicidade para as crianças. O Gusto Forneria participa do festival com menu no jantar por R$ 89,90) e está localizado na Avenida Senador Salgado Filho, 1687 Lagoa Nova. Informações: (84) 98108-0025.

Da mesma forma, o Gusto Praia promete muita diversão e o melhor da gastronomia durante o Natal Restaurant Week. Para as crianças, o espaço kids da casa encanta com muito entretenimento, garantindo a alegria de todos. Uma combinação perfeita de sabor e diversão! O Gusto Praia tem a opção de jantar (R$ 89,90). Localização: Av Praia De Ponta Negra, 8884 Ponta Negra. (84) 98113-2525.

Já na Forneria 1121, os amiguinhos de quatro patas também são bem-vindos. A casa possui um espaço pet-friendly, na área externa, ideal para toda a família aproveitar o menu que o chef Frederico Conde preparou para a primeira edição da Restaurant Week em Natal. A unidade está localizada em Ponta Negra e oferece opção de almoço e jantar. A Forneria 1121 tem a opção de almoço (R$ 54,90) e jantar (R$ 69,90). Localização: Avenida de Ponta Negra, 8852 Ponta Negra. (84) 2030-6746.

A 1ª edição da Natal Restaurant Week acontece até o dia 7 de julho. O maior festival gastronômico da América Latina, na capital potiguar, reúne mais de 25 restaurantes, oferecendo uma experiência eclética que agrada paladares que buscam desde o conforto dos clássicos até a cozinha moderna. No festival são oferecidos menus especiais com entrada, prato principal e sobremesa a preços fixos entre R$ 54,90 até R$ 89,90 entre almoço e jantar.

Com o tema, “Revolução Vegetariana”, o evento incentiva os restaurantes participantes a trazer opções de pratos vegetarianos em seus menus week, para que o público tenha a oportunidade de refletir sobre o seu consumo e o impacto de suas escolhas diárias no mundo. “Nosso objetivo é democratizar a boa gastronomia. Assim, as pessoas têm a chance de saborear pratos genuínos e culturais nos restaurantes que sempre tiveram vontade de visitar. Tudo isso por um preço fixo e em uma experiência completa e singular”, explica o idealizador da Brasil Restaurant Week, Fernando Reis

Restaurantes participantes: Buongustaio, Camarões Midway, Camarões Potiguar, Famiglia Reis Magos, Forneria 1121, Gustto Praia, Marsala Bistrô, Nau Frutos do Mar, Nemo Cidade Verde, Nemo Petrópolis, Piazza Sicilia, Severina Gastrobar, Tutti Cucina, Brottar Cozinha Afetiva, Camarões Ponta Negra, Caravela Gastrobar, Fogo e Chama, Gustto Forneria,Lotus Japanese Fusion Cusine, Mirante do Careca, Navarro, Nemo Natal Shopping, Nemo Ponta Negra, Piazzale Itália, Thome Galeria & Bistrô e Yuru Golden Tulip Natal Ponta Negra.

Ação social

Durante a Natal Restaurant Week, os clientes podem contribuir e doar R$ 2 por menu, destinados ao Hospital Infantil Varela Santiago, pioneiro no tratamento do Câncer Infantil e referência em Neurocirurgia Pediátrica no Estado que atende 100% crianças e adolescentes de 0 a 14 anos, pelo Sistema Único de Saúde – SUS. Conheça mais sobre a instituição beneficiada nesta edição em @hospitalvarelasantiago ou https://www.hospitalvarelasantiago.org.br.

Pioneiros no Nordeste, estudantes da Maple Bear Natal apresentam jogos de computador com soluções para o problema do acesso à água potável e saneamento básico

FOTO: DIVULGAÇÃO

Desenvolver uma solução inovadora para garantir o acesso à água potável e saneamento para todos em uma comunidade. Foi partindo desse desafio que os estudantes da Maple Bear Natal apresentaram, nessa sexta-feira (21), jogos desenvolvidos em computador com soluções para esse problema social, na quinta edição do Hackaton Educacional. A escola, que comemora 15 anos em 2024, é pioneira nesta atividade entre as escolas de todo o Nordeste.

Cerca de 80 alunos, do 5º ao 9º ano do ensino fundamental, divididos em grupos, apresentaram as mais diversas soluções para as dificuldades enfrentadas no acesso à água potável e no sistema de saneamento básico. Cecília Cascudo foi uma delas. Ela participa do Hackaton há quatro anos. Nesta edição, ela e seu grupo usaram como inspiração o projeto Aqualuz, que foi desenvolvido no interior da Bahia e usa a energia solar para mover um aparelho que purifica a água.

“As criadoras desse projeto são mulheres. Isso já empodera a mulher no mercado de trabalho. E também ambas são nordestinas, trazendo uma realidade muito próxima da nossa. O nosso jogo acaba sendo uma maneira de divulgação desse projeto, que é tão importante e pouco conhecido. A gente espera que o Hackaton seja uma maneira de visibilidade para esse projeto”, disse.

“Durante todo o processo, que dura cinco dias, eles estão desenvolvendo a criatividade, habilidades socioemocionais, liderança e também a questão do empreendedorismo. Esse é o objetivo final. A gente quer entregar para o mundo pessoas cada vez melhores. Pessoas que olhem para o mundo pensando no desenvolvimento sustentável da sociedade”, declarou a diretora pedagógica da Maple Bear Natal, Mona Lisa Dantas.

Ao final de cada apresentação, os estudantes receberam um certificado pela participação. Os melhores trabalhos foram premiados. O evento ainda contou com uma intervenção cultural da Companhia Independente de Xaxado de Parnamirim.

CGU revela que 40 servidores da UFRN receberam valores acima do teto constitucional

FOTO: JOSE ALDENIR

Uma auditoria realizada pela Controladoria-Geral da União (CGU) revelou que 40 servidores de um projeto da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) receberam valores acima do teto constitucional entre janeiro de 2017 e março de 2023. O total pago a mais foi de R$ 1.398.214,00.

Seis desses servidores concentraram 85% dos ganhos excedentes. A maior remuneração adicional foi de aproximadamente R$ 601 mil, com o servidor recebendo um total de R$ 3,3 milhões, incluindo valores dentro do teto. Os outros cinco servidores receberam entre R$ 92 mil e R$ 152 mil a mais do que o permitido.

De acordo com o blog do jornalista Dinarte Assunção, os servidores que mais se beneficiaram com os pagamentos foram:

  • R. A. M. V.: Recebeu um total de R$ 3.391.999,82, dos quais R$ 601.954,95 foram acima do teto constitucional.
  • K. D. C.: Recebeu um total de R$ 2.677.856,23, com R$ 152.656,10 acima do teto.
  • C. L. B. G. N.: Recebeu R$ 2.725.786,98, sendo R$ 129.235,38 acima do teto.
  • V. J. F. J.: Recebeu R$ 2.847.469,77, dos quais R$ 106.706,82 excederam o limite.
  • S. A.: Recebeu R$ 2.808.430,14, com R$ 96.713,58 acima do teto.
  • J. L. C.: Recebeu R$ 2.520.859,68, com R$ 92.530,53 excedentes.

Os valores pagos acima do teto ocorreram no projeto de pesquisa “Sífilis, Não”, gerido pela Fundação de Apoio da UFRN (Funpec) e pelo Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS). Em 2017, o Ministério da Saúde transferiu cerca de R$ 165 milhões para a UFRN para combater a sífilis no Brasil.

A CGU destacou, em matéria do portal G1-RN, que os controles da UFRN não são adequados para identificar recebimentos acima do teto constitucional e que a universidade carece de um sistema informatizado eficiente para monitorar bolsas e remunerações, o que impediu a detecção das extrapolações.

Em nota, a UFRN afirmou estar colaborando com a CGU para resolver as questões apontadas e realiza monitoramento contínuo das situações mencionadas. A universidade informou que não tem acesso a todas as bases de dados usadas pela CGU, mas que abriu processos e notificou os servidores envolvidos para fornecer explicações e tomar providências.

A Funpec, responsável pela gestão administrativa e financeira do projeto, declarou que o controle do teto remuneratório é de responsabilidade da universidade. A fundação assegurou que realiza pagamentos de bolsas conforme o plano de trabalho aprovado pela UFRN e pelo órgão financiador.

O LAIS informou que não vai se pronunciar sobre o assunto, pois a investigação do projeto “Sífilis, Não” está suspensa por determinação do Supremo Tribunal Federal (STF).

Em janeiro de 2023, a Polícia Federal (PF), em conjunto com o Ministério Público Federal (MPF) e a Controladoria-Geral da União (CGU), deflagrou a Operação Faraó para investigar o desvio de recursos públicos federais do Ministério da Saúde, destinados ao projeto “Sífilis, Não!” da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). O projeto foi coordenado pelo professor Ricardo Alexsandro de Medeiros Valentim, um profissional da saúde que participava também do Comitê Científico do Consórcio Nordeste durante a pandemia da COVID-19.

As investigações, que contaram com a participação de 27 auditores da CGU e de cerca de 90 policiais federais, tiveram início em agosto de 2018, após uma denúncia anônima ao MPF sobre um suposto contrato fraudulento de R$ 50 milhões com a agência publicitária brasiliense Fields, destinado à campanha publicitária sobre a sífilis. O MPF e a CGU descobriram indícios de que a licitação foi simulada, os valores superfaturados e a qualidade das peças publicitárias abaixo do esperado.

A investigação também revelou que servidores do LAIS, incluindo Valentim, supostamente usaram recursos do projeto para custear despesas pessoais e viagens sem relação com o “Sífilis, Não!”. Foram identificados gastos em jantares caros, hospedagens, passagens aéreas e até despesas de familiares e funcionários domésticos.

Durante o 7º Congresso de Inovação em Materiais e Equipamentos para Saúde (7º CIMES), realizado em agosto de 2018, Valentim, sua esposa Janaína Valentim, e outros 18 membros do LAIS, participaram do evento com despesas custeadas pela Abimo e pela Funpec, sem relação clara com o projeto “Sífilis, Não!”. Em e-mails analisados, Janaína ocultava seu sobrenome Valentim e se apresentava como secretária executiva, apesar de ser bolsista e técnica de apoio na Funpec.

A operação apurou ainda que os cartões corporativos foram usados para refeições em Natal, Brasília, São Paulo e na Europa, com prejuízos ao erário estimados em R$ 26.547.818,06. Como resultado, os bens dos envolvidos foram bloqueados por ordem judicial, proporcionalmente aos atos praticados.

Com informações da Redação, portal G1-RN e Blog do Dinarte Assunção

Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte celebra 16 anos como pulmão verde e espaço de lazer em Natal

FOTO: CARLA BELKE

O Parque Natural Municipal da Cidade do Natal Dom Nivaldo Monte (Parque da Cidade) é a primeira Unidade de Conservação (UC) de Proteção Integral do Município, um dos maiores e mais importantes espaços verdes da cidade, que celebra hoje o seu 16º aniversário. Inaugurado em 21 de junho de 2008, o parque tem sido um refúgio natural para os moradores da cidade, oferecendo um espaço para lazer, educação ambiental e preservação da biodiversidade.

Localizado no bairro de Candelária, o parque abrange uma área de aproximadamente 154 hectares, composta por dunas, mata atlântica e áreas de restinga. Sua arquitetura foi idealizada pelo renomado arquiteto Oscar Niemeyer, cuja visão arquitetônica se reflete na Torre Panorâmica de 45 metros de altura, um dos marcos do Parque que oferece uma vista deslumbrante da cidade e de seus arredores.

O Parque da Cidade é fundamental para a preservação da flora e fauna locais. É um refúgio para diversas espécies de animais e plantas, muitas das quais ameaçadas de extinção. Sua presença contribui significativamente para a qualidade da água e do ar Natal, funcionando como um verdadeiro pulmão verde em meio à urbanização crescente.

Uma das principais preocupações dos gestores da Unidade de Conservação (UC) é manter a fauna e a flora e recuperar áreas degradadas. Presente desde a sua inauguração, o setor de manejo, inicialmente se espelhou em outras UCs, para entender os processos, que vão desde produzir mudas a fazer o trato de animais.

Os técnicos do setor realizam visitas guiadas nas trilhas e auxiliam nos trabalhos de pesquisas científicas. “Uma das primeiras iniciativas foi a identificação dos animais e plantas endêmicas da área, bem como de integrar socialmente os bairros do entorno na ação de proteção do meio ambiente”, comenta o assistente administrativo de manejo ambiental do Parque, Cristiano Pereira, que trabalha no Parque da Cidade desde a inauguração.

Além de sua importância ecológica, o parque desempenha um papel vital na educação ambiental. Programas e atividades educacionais são regularmente organizados, incluindo visitas guiadas, oficinas e palestras sobre conservação ambiental. Essas iniciativas buscam conscientizar a população sobre a importância da preservação do meio ambiente e fomentar uma cultura de sustentabilidade. É também um local de formação de professores do ensino público, especialmente das escolas do entorno.

A especialista em Educação Ambiental do Parque, Janaína Rocha, explica que “nos primeiros anos de existência do Parque da Cidade, o foco era a formação de professores para que, através deles, tornasse possível o conhecimento da ecologia dessa UC, todavia, com o passar do tempo, notou-se a necessidade de os alunos conhecerem o Parque, especialmente os que estudam nas escolas das proximidades”, comenta ela.

Com isso, o trabalho hoje está muito mais focado em levar conhecimento aos alunos da rede pública através de ações como o Parque Itinerante, que leva informações ambientais sobre a UC para as escolas e o Pelotão da Cidadania, que recebe as crianças em um roteiro de visitação. Ambos compartilham do mesmo objetivo fazer com que os alunos aprendam sobre o ecossistema presente na cidade e a importância de conhecê-lo e preservá-lo.

A Biblioteca do Parque é outro ponto de visitação. Com o tempo e a utilização pela comunidade, viu-se que tanto a necessidade, quanto o interesse pela biblioteca iam além da busca por informações ligadas às questões ambientais, então o espaço precisou se adequar, realizando, além de atividades de apoio ao trabalho de educação ambiental e incentivo à leitura, também atividades de lazer para os usuários, como: contação de histórias, oficinas de jogos, mamulengos, fantoches, intervenções literárias, lançamento de livros, projetos e tantas outras atividades que auxiliam os frequentadores do Parque no estudo, pesquisa e lazer. E ainda conta com um acervo especializado em meio ambiente, urbanismo, história da cidade de Natal e ainda, livros infantojuvenis e títulos em braille.

O Parque da Cidade oferece uma ampla variedade de atividades para visitantes de todas as idades. Entre as atrações mais populares estão as trilhas ecológicas, que permitem um contato direto com a natureza e a observação da biodiversidade local. As trilhas são bem sinalizadas e variam em nível de dificuldade, atendendo desde caminhantes iniciantes até os mais experientes.

Para os amantes de esportes, o parque dispõe de ciclovias e pistas de cooper, proporcionando um espaço seguro e agradável para a prática de atividades físicas. Há também áreas destinadas a piqueniques e espaços recreativos para crianças, tornando o parque um local ideal para passeios em família.

A Torre Panorâmica, além de sua função turística, abriga o Memorial da Cidade, onde são realizadas exposições temporárias e permanentes sobre a história e a cultura local e ainda um Centro de Visitantes com informações detalhadas sobre a fauna e flora locais, além de um auditório para eventos e palestras.

Conselho Gestor

O Conselho Gestor do Parque da Cidade do Natal Dom Nivaldo Monte foi eleito no início do ano e suas atribuições são diversas. Entre as mais relevantes estão o acompanhamento, elaboração, implementação e revisão do Plano de Manejo do Parque, garantindo o seu caráter participativo.

O colegiado também vai buscar a integração com as demais unidades e espaços territoriais especialmente protegidos e com o seu entorno. E unir esforços para compatibilizar os interesses dos diversos segmentos sociais relacionados com o Parque da Cidade.

Ao longo desses 16 anos, o Parque da Cidade consolidou-se como um espaço indispensável para o bem-estar dos natalenses, oferecendo um equilíbrio essencial entre o desenvolvimento urbano e a preservação ambiental. Seu futuro promete ser ainda mais brilhante, com iniciativas contínuas para expandir e melhorar suas instalações e atividades, garantindo que continue sendo um oásis verde de tranquilidade no coração de Natal.

Em um mundo cada vez mais urbanizado, o Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte permanece como um exemplo de como a coexistência harmoniosa entre a natureza e o desenvolvimento urbano é não apenas possível, mas essencial para a qualidade de vida.

Ministério das Cidades autoriza construção de 480 moradias do Minha Casa Minha Vida em São Gonçalo do Amarante

FOTO: DIVULGAÇÃO

Uma portaria publicada nessa sexta-feira (21) pelo Ministério das Cidades, autoriza a contratação do projeto que visa a construção de 480 unidades habitacionais no município de São Gonçalo do Amarante. Este é um passo crucial para o início efetivo das obras, trazendo esperança para centenas de famílias.

O programa do Governo Federal ‘Minha Casa, Minha Vida’ utiliza recursos do Fundo de Arrendamento Residencial para subsidiar a construção de novas unidades habitacionais em áreas urbanas.

O prefeito de São Gonçalo do Amarante, Eraldo Paiva, em parceria com o deputado federal Fernando Mineiro, trabalhou em Brasília para ampliar o número de moradias destinadas ao município, alcançando a meta atual de 480 casas. As unidades habitacionais são destinadas a famílias com renda de até dois salários mínimos. Beneficiários do Benefício de Prestação Continuada (BPC) e do Bolsa Família receberão subsídios de 100%, o que significa que os imóveis serão entregues sem custo para essas famílias.

Em declaração, o prefeito Eraldo Paiva celebrou a conquista e expressou sua gratidão: “A construção dessas moradias está cada vez mais próxima de ser iniciada. Agradeço ao presidente Lula pela agilidade no processo e pela garantia de moradia para o povo de São Gonçalo do Amarante. Este é um marco para nossa cidade e uma grande vitória para todas as famílias que serão beneficiadas.”

São João de Natal contará com Trailer de Vacina na Praça Pedro Velho

FOTO: SMS

A programação do São João de Natal vai contar com as vacinas de campanha contra a COVID-19, influenza e poliomielite, além de intensificar as ações de prevenção às Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST). A vacinação acontece das 18h às 22h, no Trailer de Vacina, estrutura montada na Praça Pedro Velho, em Petrópolis.

A vacina contra o coronavírus está sendo realizada com o novo imunizante monovalente XBB, versão mais atualizada para combater as variantes da doença. Estando disponíveis para crianças menores de cinco anos e públicos prioritários, como trabalhadores de saúde; gestantes e puérperas; idosos com idade acima de 60 anos, pessoas com comorbidades, deficiências e imunossuprimidos; povos indígenas, quilombolas e ribeirinhos; idosos em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs) e trabalhadores desses serviços; população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional e população de rua.

A campanha de imunização contra a Influenza 2024 está disponível para todas as pessoas com idade acima de seis meses de vida. Já a vacinação contra a poliomielite está disponível para crianças de 1 a 4 anos, que devem receber indiscriminadamente uma dose extra de Vacina Oral Poliomielite (VOP).

Além da vacinação, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) irá desenvolver ações de educação e prevenção às Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST), com entrega de preservativos masculinos, gel lubrificante e orientações para quem acompanha as festas da tradição junina.

Em Natal, até abril de 2024, foram notificados 1.007 mil novos casos para as Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST), segundo dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN), desses, 219 casos foram de HIV/AIDS, 736 de sífilis e 52 de hepatites virais, o que reforça os cuidados para as doenças.